Google Translator

quarta-feira, 7 de fevereiro de 2018

Ideais de esquerda

American dreams com bandeiras de Che Guevara


Buscar o melhor é da natureza. Todos os seres vivos mostram estampados no seu DNA e em suas características físicas, essa máxima. Todos estão em mutação mais ou menos acelerada. Existem alguns animais que têm a mesma forma física há milhões de anos. Isso mostra um perfeito ajuste com seu meio e suas necessidades de sobrevivência. 
Com o ser humano não é diferente. Desde que existimos, estamos em mutação. Nossos corpos, nossas cores, nossos cérebros, nossas aptidões são diferentes, de acordo com o meio e o tempo em que habitamos. Essas característica são dadas, primariamente, pela natureza. Mas temos faculdades mentais e intelecto.

A filosofia existe com o ser humano desde de muito cedo. Acredito piamente que exista também entre todos os animais existentes. Antes que o leitor pense em me julgar ou me enviar uma saraivada de perguntas ou mensagens mostrando suas divergências sobre o assunto, quero esclarecer: cada ser em sua escala mental. Então as características filosóficas existem em diferentes níveis. Portanto, uma ameba procura o melhor para si dentro de seu ambiente e da forma que entende. Um ser invertebrado também. Todos buscam, dentro de seu entendimento (filosofia), o melhor para si. E todos são únicos, todos são influentes, todos são influenciáveis. Por isso as mutações acontecem em todos os níveis: físico, mental, espiritual.

A filosofia encontra um refinamento peculiar no ser humano. Isso porque o ser humano é capaz de absorver ideias avançada e filosofia desde muito cedo. Desde muito cedo é possível que ele use o que aprendeu para ser e tornar o seu ambiente, um lugar melhor ou simplesmente, diferente. Nem todos farão isso, mas não é impossível que se faça isso. É da natureza desse ser que tem cérebro e se propôs a usá-lo mais ou menos.

Ideais políticos são sempre presentes no ser humano. Mesmo que não nos demos conta, usar ideias para formatar uma religião, um condomínio, um ambiente profissional é usar política. A vida humana não existe sem política.

Um ser humano em formação é uma verdeira esponja de ideias. Na verdade, todos somos. Mas em um adolescente, ou num jovem, os ideais filosóficos fervilham pois a busca pelo melhor é parte intrínseca de todos nós. Mas o fator conhecimento não existe ainda. E fica muito fácil implantar ideias erradas e conceitos duvidosos nesses indivíduos. Qual o jovem que nunca pensou em viver numa comunidade afastada de tudo, vivendo em paz e em comunhão com a natureza? Uma forma alternativa de vida, uma expectativa mais justa para si, para os seus e para todos. É nesse terreno fértil que são implantadas as ideias de esquerda, os objetivos comunistas. Um adolescente ou jovem, em quase 100% dos casos, não tem (ainda) a experiência necessária para não ser fisgado por esses ideais. Mesmo que o comunismo, o Marxismo, socialismo, anarquismo e muitos outros "ismos", que no fundo são bem similares, nunca tenham funcionado em qualquer escala em que tenham sido aplicados, sempre podemos encontrar pessoas de mais ou menos idade, buscando essa filosofia. 

Quero deixar bem claro que todas as experiências citadas acima, falharam não por não serem boas, mas por serem postas em prática por seres humanos. Sinceramente não sei como se sairiam com seres dotados de inteligência superior. No papel, essas ideias são lindas e parecem funcionar. Somos capazes de formular filosofias lindas, ideais perfeitos. Mas esbarramos na ética.  O ser humano (ainda) é profundamente fraco em pôr em prática a ética. 

Mas nem tudo está perdido. Veja o caso da Finlândia. Até 1916 ela era parte da Russia comunista. E como parte dessa potência, sofria enormemente. Havia fome, miséria, desespero. Em 1917 houve a separação. A Finlândia tornou-se independente. Assumiu o capitalismo democrático como filosofia comercial e social. Não que o capitalismo democrático seja a perfeição em forma de governo. Mas, era esse o modelo que eles tinham e foi sobre ele que se empenharam como nação. Estamos em 2018 e, após um pouco mais de 100 anos, a Finlândia é uma dos melhores países para se viver com relação à política social. Mas como eles fizeram isso? No mundo o capitalismo anda na corda bamba! Fizeram com ética. As necessidades existem, os desafios estão no dia a dia, mas são encarados, planejados e solucionados de acordo com a ética deles. Este povo encontrou algo interessante. Este povo colocou em prática uma forma de governo de forma ética. 

Então temos experiências em várias formas de governo. Temos o passado que nos ensina no presente e mostra o melhor para o futuro. Como nação, não somos meros adolescentes. Mas ainda temos uma grande parcela da população que tem pouca experiência de vida. Temos muitos jovens (e até mesmo pessoas de mais idade que são puramente equivocados), que aceitam e assumem filosofias duvidosas num conjunto de pessoas de pouca ou nenhuma ética. Isso torna possível vermos buscadores do "American Dream", vivendo e gostando da sociedade capitalista, mas usando camisetas de Che Guevara. O resultado não é bom. O resultado nunca será bom. Sem conhecimento, sem história e sem ética, o resultado sempre é desastroso. Estamos preparados para viver eticamente? 

Fora da Finlândia temos povos éticos? Essa é uma boa pergunta, não? Analise o planeta. Mesmo nos mais adiantados e organizados. 

No Brasil, precisamos entender o que é ética. Fazendo isso, muita coisa se modifica e poderemos florescer como nação para um futuro melhor.

0 comentários:

Postar um comentário

Compartilhe

Share |
 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | free samples without surveys
Zeitgeist I - The movie Zeitgeist II - Addendum Zeitgeist III - Moving Forward Creative Commons